quarta-feira, 27 de maio de 2015

Resenha - Cilada

Olá queridos leitores do Cantinho!
Tudo bem com vocês? Acabei de comprar alguns livros aqui na internet. Devem chegar nos próximos dias! Entre eles, mais um livro do fantástico autor Harlan Coben.
Dentre os que eu comprei, está "Confie em mim". Provavelmente farei resenha dele depois que ele chegar e eu puder lê-lo.
Decidi comprar um livro do Harlan Coben dentre os que eu adquiri, porque hoje eu faria a resenha do poderoso "Cilada", um livro bastante interessante.

O que diz a contracapa:


Haley McWaid tem 17 anos. É aluna exemplar, disciplinada, ama esportes e sonha entrar para uma boa faculdade. Por isso, quando certa noite ela não volta para casa e três meses transcorrem sem que se tenha nenhuma notícia dela, todos na cidade começam a imaginar o pior.

O assistente social Dan Mercer recebe um estranho telefonema de uma adolescente e vai a seu encontro. Ao chegar ao local, ele é surpreendido pela equipe de um programa de televisão, que o exibe em rede nacional como pedófilo. Inocentado por falta de provas, Dan é morto logo em seguida.

Na junção dessas duas histórias está Wendy Tynes, a repórter que armou a cilada para Dan e que se torna a única testemunha de seu assassinato. Wendy sempre confiou apenas nos fatos, mas seu instinto lhe diz que Mercer talvez não fosse culpado. Agora ela precisa descobrir se desmascarou um criminoso ou causou a morte de um inocente.

Nas investigações da morte de Dan e do desaparecimento de Haley, verdades inimagináveis são reveladas e a fragilidade de vidas aparentemente normais é posta à prova. Todos têm algo a esconder e os segredos se interligam e se completam em um elaborado mosaico de mistérios.

Harlan Coben mais uma vez deixa o leitor sem ar. Cilada fala de culpa, luto e perdão em uma trama repleta de reviravoltas surpreendentes. Nada é o que parece e tudo pode ser desfeito até a última página.

O que eu achei:

Li "Cilada" há pouco tempo. Eu resolvi dar uma chance para o autor, depois de ter me decepcionado um pouco com "Jogada mortal", livro cujo personagem principal é Myron Bolitar, o detetive que tem infinitas funções. E esse tipo de personagem que é multitarefa não me agradou.
Mas "Cilada" e "Desaparecido para sempre" me agradaram tanto, que eu decidi ler o restante dos romances policiais dele. Vou até dar outra chance pros livros que tem o tal detetive Myron Bolitar.

Depois de ler os dois e relembrar a história para escrever essas duas resenhas, agora tenho a certeza de que "Desaparecido para sempre" é melhor, muito embora "Cilada" também seja muito bom. Os detalhes é que fazem a diferença para que o outro livro seja ligeiramente melhor que esse.
O nome desse livro é bastante curioso. Uma emboscada é preparada para pegar um pedófilo. O livro começa quando o personagem Dan Mercer acabou de cair numa cilada feita pela jornalista Wendy Tynes. Dan Mercer é um assistente social que trabalha com crianças e adolescentes, retirando-os das ruas e das situações de risco. Mas ele revela um lado sombrio, mostrado quando a jornalista o flagra numa estranha relação com uma menor de idade.

Depois que Dan Mercer é vítima de homicídio, a repórter passa a dedicar seu tempo a provar que ele caiu em uma cilada e que precisa salvar a memória dele.

A grande verdade é que é muito difícil resenhar livro do Harlan Coben, pois tudo é importante para a compreensão da história. Cada trecho, por menor que seja explica parte da história. E no fim do livro, duas grandes reviravoltas que te fazem perder o fôlego. Ninguém pode sequer imaginar como a história muda radicalmente a poucas páginas do fim. O leitor chega a supor um provável final e tudo o que foi imaginado vai por água abaixo com a reviravolta dada pelo mestre Coben. Isso é impressionante e foi decisivo para que eu o avaliasse bem no Skoob.

O que me impressionou foi o livro tratar do alcoolismo entre jovens e a permissão dos pais deixarem seus filhos consumir álcool em casa. No livro fica claro que a escola em que o filho da repórter Wendy estuda faz uma campanha alertando a todos os pais que não cedam aos desejos dos adolescente ao beber álcool em suas casas com a desculpa esfarrapada de que é menos pior que os jovens consumam álcool em um ambiente mais seguro, o que não é verdade.

Só achei uma coisa ruim: o modo como a repórter Wendy descobriu como se deu a morte no livro, com base em um detalhe tão pequenino. Muito irreal pro meu gosto. Só alguém com um poder de percepção de outro planeta conseguiria deduzir tudo aquilo e matar a charada. Na realidade, esse tipo de coisa não acontece. Às vezes até me pergunto se eu perdi alguma coisa no meio da leitura e se "voei" para não ter sacado a verdade como a personagem fez. Vocês que já leram, me digam: gostaram do final?

Tudo isso é somado a ótimos personagens, como o sogro de Wendy, um motoqueiro setentão que não tem nada de durão e se mostra um protetor para Wendy e um avô fantástico para seu neto Charlie. Já pude notar que Harlan Coben tem uma queda para criar personagens um pouco exóticos, mas que cativam rapidamente o leitor.

Não posso contar mais coisa, senão corro o risco de soltar algum ''spoiler". Mas acreditem: a leitura é bem fácil e leve. O tema é interessante e a leitura vai numa boa. Se você gostar de thriller, tiver tempo e um bom local de leitura, pode finalizá-lo em pouco tempo!  
Definitivamente eu virei fã do mestre Harlan!
Grande abraço a todos!




Dados do livro

Nome: Cilada
Autor: Harlan Coben
Editora: Arqueiro
Páginas: 271

10 comentários:

  1. Olá!
    Ainda não li nada de Harlan Coben, mas tenho muita curiosidade de conhecer suas obras. Tenho alguns livros dele aqui e pretendo ler em breve.
    Fiquei bastante curiosa para ler Cilada e descobrir como termina a história.
    Ótima resenha!
    Beijos.

    Li
    Literalizando Sonhos

    ResponderExcluir
  2. Oláá
    Eu li Confie em Mim do autor e gostei bastante, estou ansiosa para ver a resenha por aqui. Essa está ótima e queria ler muitos outros dele, adorei a premissa e espero que seja tão bom quanto o que li.

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Eu ainda não li nada do autor, mas sou louca para lê-los!
    É a primeira resenha que leio desse livro e achei o enredo muito bom! Estou curiosa e vou comprá-lo assim que puder!
    Parabéns pela resenha!
    Beijos!

    www.livrosdajess.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Marcos, tudo bom?
    Apesar do pequeno problema da narrativa, gostei bastante da proposta desse livro. Sempre tive curiosidade para ler algo do Harlan Coben e já sei que Cilada é uma boa opção. Eu adoro livros policiais e tenho vontade de conhecer a escrita do autor.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Marcos! Eu gosto muito do Harlan e comecei a ler seus livros pelas histórias avulsas, não das séries do Bolitar e quando li um do detetive não senti tanta empolgação quanto nas demais leituras, então prefiro os livros sem ele. Ainda não li Cilada, mas gostei do que você citou na resenha, espero conferir em breve.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  6. Oi, Marcos!
    Eu ainda não li nada do Harlan (Vergonha x)). Mas espero poder mudar isso em breve.
    Sou bem curiosa sobre a escrita dele, vejo sempre todos elogiando.
    E pelo que você diz na resenha eu vejo que ela sabe mesmo como nos surpreender e nos deixar presos até o fim na trama.

    Beijinhos!
    Jaque - Meus Livros, Meu Mundo

    ResponderExcluir
  7. Oi tudo bem?
    Vi pelo que me falaram, que na última bienal o autor é um amor de pessoa, mas não li nada do autor (ainda). Mas pelo que falaste na resenha, eu procurarei ler em breve o livro, pois investigação e tema policial eu curto. Beijos

    ResponderExcluir
  8. Olá... eu ainda não li nada do autor... mas já tenho um livro dele aqui e louca para conhecer a sua escrita... gostei muito de sua resenha e a forma que utilizou para expor a sua opinião, parabéns... Parece que Cilada será um livro a qual vou gostar muito de ler... ele tem um bom enredo... uma ideia maravilhosa de história e investigação... fiquei bem curiosa... Xero!

    ResponderExcluir
  9. Oi Marcos, tudo bem?
    Nunca li nada do Harlan, embora os elogios sejam gigantescos. Ás vezes temos que dar uma nova chance a algum autor que não nos agradou em um primeiro livro, pois podemos nos surpreender positivamente, como foi seu caso.
    Eu adoro um livro policial bem feito, onde cada detalhe é importante, mas realente, tem vez que os protagonistas desvendam as coisas de forma surreal demais, kkkkkk
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi Marcos, tudo bem?

    Apesar de ter muita vontade de ler os livros do Harlan, eu ainda não li nada. Que bom que apesar da decepção anterior você gostou de Cilada e dê mesmo uma chance aos outros livros, pois pode ser que você acabe gostando de outros. Eu gosto muito de livros policiais e gosto de tentar resolver os mistérios, espero gostar de Cilada.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Amigos leitores, sintam-se a vontade para comentar o post. Peço que, por favor, ao tecerem os comentários, não utilizem palavras e expressões que possam ofender os demais. Obrigada.