quarta-feira, 29 de abril de 2015

Bate papo com Elysanna Louzada

Olá leitores amigos do Cantinho!


Tenham todos um excelente dia! Quarta-feira de uma semana com feriado! Não tem como não ficar ruim!



Hoje eu volto a fazer uma postagem depois de duas semanas longe. Há duas quartas-feiras atrás eu tive um pequenino contratempo e não consegui escrever uma resenha para incluir no blog. De antemão, peço desculpas a todos por ter precisado ficar duas semanas sem trazer novas atualizações, mas agora volto para a minha coluna semanal. 



E tendo voltado depois de um hiato quinzenal, venho com novidades.



Isso porque a temática da postagem também é diferente, pois hoje não vou trazer resenha como sempre fiz até hoje, mas sim um bate papo, uma pequenina entrevista com a parceira do blog, a autora nacional Elysanna Louzada.


Foto da autora retirada da internet
Para quem ainda não sabe, no início do ano, a Mari anunciou uma nova parceria. A escritora Elysanna Louzada gentilmente aceitou ser nossa amiga parceira e todos nós ficamos muitíssimo felizes em tê-la conosco aqui.


Fiquei com a incumbência de ler o romance dela, intitulado "Herdeiros do trono", o que fiz prontamente. Mas antes de lançar aqui a resenha, é tradição no Cantinho fazermos um bate papo com o autor, a fim de sabermos como é o seu pensamento sobre alguns pontos e o que enxerga da vida.



Já adianto a todos os leitores que semana que vem estarei de volta! E na quarta-feira que vem, dia 06 de maio, eu trarei a resenha do espetacular romance "Herdeiros do trono".



Capa do livro retirada da página do livro no Skoob
Agora vamos a entrevista! Seguem abaixo as perguntas e as respostas!


Marcos: Você já escreveu histórias de amor e fantasia. Qual gênero é o que mais te agrada?

Elysanna Louzada: Ambos os gêneros são atraentes para mim, mas confesso que tenho uma queda por romances contemporâneos, embora tenha escrito apenas um livro nesse contexto.

MarcosQuais foram as suas inspirações para escrever a trilogia Herdeiros do trono?

Elysanna LouzadaMinhas inspirações foram os conflitos do mundo real e a maneira como as pessoas lidam com suas emoções. Herdeiros do Trono é a trajetória de quatro jovens que, de repente, descobrem que precisam amadurecer prematuramente e escolher entre a segurança de suas vidas comuns e os desafios que lhes são apresentados.

Marcos:  Como é o processo de criação dos seus romances? Você tem alguma metodologia específica para receber inspiração?

Elysanna LouzadaAqui farei uma distinção que uso em meu trabalho. Encaro inspiração e criação como duas coisas distintas.
O momento de inspiração acontece quando menos imagino, sem planejar. Às vezes, estou lendo uma revista, um jornal, viajando, andando na rua e, de repente, uma situação me chama atenção. Esse é o início. A ideia fica na minha cabeça que funciona como uma incubadora. Depois de algum tempo, quando a ideia inicial já se transformou em algo mais contundente, com personagens e situações, passo para a segunda etapa que é mais técnica. Nessa fase começo a estruturar a narrativa com levantamento dos personagens, quantidade de capítulos, etc.
A terceira fase é a escrita do livro propriamente dita. Aqui busco ouvir músicas que “soltam” minha imaginação e me livram do estresse.

Marcos: A situação política em Tamísia assemelha-se ao embrião dos regimes totalitaristas do século XX, como o nazismo, que segregava os que não estavam no “padrão”. Entretanto, a Academia de Cavaleiros é uma instituição que permaneceu íntegra mesmo nos momentos de crise. Com isso, eu pergunto: você acredita nas instituições?

Elysanna Louzada: Sim, acredito. A Academia é um ícone histórico do Reino Unido. A única coisa que conseguiu se manter livre da segregação étnica.

Marcos: Frequentemente você menciona o “Pai Criador” no meio da história. Para você, qual a importância da religião para o homem do século XXI, sobretudo nesse mundo tão obscuro?

Elysanna Louzada: Acima das religiões está a fé e o amor. Foi isso que procurei mostrar nos três livros. Sem esses dois pilares fundamentais, não há esperança de um mundo melhor.

Marcos: Pedro, Eloise, Tommy e Isabel são adolescentes que vivem num mundo que se parece com a época medieval. Foi difícil mesclar esses dois mundos ou foi mais difícil dosar um romance em meio a aventura?

Elysanna Louzada: Mesclar os dois mundos foi bastante divertido. Por se tratar de uma fantasia e de um mundo criado por mim, tive total liberdade para ousar. Difícil mesmo foi dosar a quantidade certa de romance e aventura presentes na narrativa.

     Marcos:   Você estará na Bienal do Livro do RJ esse ano para que todos nós possamos te conhecer?

     Elysanna Louzada: Sim, estarei, mas a agenda ainda não foi definida.

Marcos: Em uma das passagens mais delicadas do livro, Arnon diz a Isabel que o sofrimento não mata, mas marca e que essa marca deve ser incorporada para fortalecimento diante das dificuldades. Agora queria saber a sua opinião: para você como o ser humano pode ultrapassar a dor e compreender a superar o sofrimento para fortalecer a vida?


Elysanna Louzada: Sim. Eu acredito em cada palavra que Arnon disse à Isabel. O mundo está repleto de exemplos de pessoas que superaram enormes dificuldade na vida e venceram. Malala Yousafzai* é um grande exemplo disso.

*Malala Yousafzai é a adolescente paquistanesa vítima de tentativa de homicídio em 09 de outubro de 2012 por parte de radicais talibãs por simplesmente ser uma menina que queria estudar.

Marcos:  Você é uma autora nacional de sucesso. Mas todos sabemos que o brasileiro médio lê pouco. Então, gostaria de saber a sua opinião: até que ponto o preço dos livros contribui para essa baixa estatística ou a questão é puramente cultural?

     Elysanna Louzada: Acredito que seja, sobretudo, uma questão cultural. Mas não é só isso. O preço dificulta o acesso, mas também a falta de bibliotecas públicas decentes também é um grande entrave.

Espero que todos tenham gostado!


Comentem o que vocês acharam mais interessante nessa entrevista!


Até a semana que vem! Não percam a resenha daquele que considerei como o melhor livro de 2015: Herdeiros do trono!

Abraço!








10 comentários:

  1. Oi Marcos!
    Legal conhecer mais uma autora =)
    N conhecia a obra dela tb, já gosto muito de fantasia, misturado com romance rsrsrs
    Acho q gostaria deste livro da autora!!
    Bjos!
    Aline Praça
    www.leituravipblog.com

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Também sou parceira da Elysanna e tive a oportunidade de conhecê-la ano passado na Bienal de SP. Ela é um amor, a simpatia em pessoa.
    Já li Herdeiros do Trono, Círculo de Fogo e estou ansiosíssima para ler Corações em Guerra.
    Uma Lição de Amor também é ótimo!
    Adorei a entrevista!
    Beijos.

    Li
    Literalizando Sonhos

    ResponderExcluir
  3. Oi Marcos, tudo bem?
    Parabéns pela parceria com a autora! Não a conhecia, mas gostei de saber um pouco mais sobre ela e sobre sua obra através dessa entrevista!
    Achei a capa do livro Herdeiros do Trono linda demais e já aguardo a resenha dele aqui em seu blog.
    Espero que você tenha a oportunidade de conhecê-la na Bienal!

    Abraço ;*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  4. Olaa
    A entrevista ficou ótima, adorei saber mais sobre a autora, o livro nao faz meu gênero mas mesmo assim, ótimo enredo.

    Reality of Books

    ResponderExcluir
  5. Oi! Sempre vejo os livros dela em outros blog e a autora é super simpática, tenho vontade de conhecer suas histórias, quem sabe quando diminuir minha fila eu adquira.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  6. Oiee

    Confesso que esse gênero não me atrai muito, achei a autora super simpática e desejo muito sucesso para ela quem sabe eu lerei um dia!

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi Marcos muito legal a entrevista e o livro é bem interessante, espero ter oportunidade de ler! Bjkas

    ResponderExcluir
  8. Oie, tudo bom?
    Muito bacana conhecer um pouco mais da autora. Achei bacana o que ela falou sobre inspiração e criação na vida de um autor.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Marcos, parabéns pela entrevista. Se não me engano, conheci a autora em um evento literário, o rosto dela não me é estranho. Pode ter sido na Bienal de SP =). O livro dela parece interessante. Sucesso para a autora

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oi Marcos, tudo bem?

    Parabéns pela entrevista, eu não conhecia a autora, mas ela parece ser uma fofa. Herdeiros do Trono parece ser um livro bem interessante e eu gostei que a inspiração dela para escrever foram os conflitos do mundo real, bons livros foram criados assim, por exemplo a série Jogos Vorazes. Também gostei da citação do livro "Sofrimento não mata", gostei muito da resposta dela quanto a isso e estou bem curiosa para ler o livro e entender o porque disso.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Amigos leitores, sintam-se a vontade para comentar o post. Peço que, por favor, ao tecerem os comentários, não utilizem palavras e expressões que possam ofender os demais. Obrigada.