domingo, 10 de novembro de 2013

Bate-papo com Ana Carolina Almeida

Amigos queridos! Estão todos aproveitando bem o domingo?

Não sei se vocês repararam, mas eu tenho muita alegria em contar que a nossa rede de autores parceiros está aumentando.

Eu, particularmente, acho isso incrível! Não é segredo para ninguém que eu tenho um sonho de também ser escritora. Então, é com todo o carinho que eu procuro conhecer as obras dos nossos autores brasileiros.

Mais do que conhecer, eu também quero muito compartilhá-las com vocês! Meses atrás eu trouxe Amora, uma história LINDA e muito bem estruturada da querida Alice Canato, que merece a atenção dos leitores.

Hoje, é sobre outra autora, igualmente querida, que eu venho conversar com vocês.

Ana Carolina Almeida é jornalista, mas, como ela mesma diz em seu site, sempre teve uma queda pela literatura. Dona do blog Mesa de Café da Manhã e autora do livro A Irmandade das Olívias, ela aceitou o meu convite e veio conversar um pouquinho com a gente!



Para dar as boas vindas à Ana aqui no nosso Cantinho, trouxe para vocês um bate-papo! Vamos conhecê-la melhor?

Mari: Quando e  como você descobriu que gostaria de ser escritora?

Ana: Olha, a verdade é que de certa forma eu sempre tive isso em mim. Desde criancinha eu inventava histórias mirabolantes, seja para brincar de boneca, seja para justificar alguma travessura que eu tinha feito. Assim, criar minhas próprias histórias e meus próprios personagens de papel e caneta acabou vindo de uma forma natural para mim. Eu decidi que queria levar essa carreira mais a sério com 12 anos, quando escrevi meu primeiro livro (ainda não publicado).

Mari: Qual é o seu livro de cabeceira?

Ana: Se for o livro que eu estou lendo neste momento é o "As treze relíquias" de Michael Scott e Colette Freedman. Se for um livro que "não sai" de perto de mim, seria "Cinco Minutos" de José de Alencar. Digo sempre que acesso a esse livro para ler sobre o amor.

Mari: Quais são suas inspirações literárias?

Ana: Bom, como citei acima o José de Alencar para falar de amor. De fantasia J.K Rowling, Licia Troisi e C.S Lewis, e de exemplos de como escrever uma história com fluidez temos a Kathleen McGowan e a Diana Peterfreund.

Mari: Como surgiu a ideia de escrever a Irmandade das Olívias?

Ana: Eu sempre gostei muito de histórias que, de alguma forma, mexessem com antigas histórias do mundo, como as mitologias e até mesmo as lendas. Com o tempo fui conhecendo mais a fundo a mitologia celta e acabei encontrando uma história ali que estava presente também em várias outras mitologias (como a grega, persa, nórdica, egípcia...) e a ideia da Irmandade veio naturalmente depois disso.

Mari: O que os leitores podem esperar dos próximos livros da série?

Ana: Muitas reviravoltas e revelações. O primeiro livro é muito, mas muito introdutório. Ele apresenta o processo da Olívia se encontrando com o diário, entendendo a sua missão e compreendendo que é preciso ter cuidado com quem se relaciona/confia. Como tal, também introduzo os mistérios que só serão desvendados depois, com os próximos dois livros da saga, que terão mais ação e como eu disse: muitas reviravoltas.

Mari: Você se identifica com alguma personagem do livro?

Ana: Todos os personagens tem algo de mim. Sejam diálogos que eu consigo me visualizar direitinho tendo, sejam algumas características físicas e até comportamentais. Porém não tenho nenhum personagem que seja um reflexo exato de mim, talvez, em certa medida, a Olívia tenha algumas faces que eu gostaria de ter.

Mari: Em quais redes sociais seus leitores podem te achar?

Ana: Se quiserem me encontrar como autora, podem me adicionar no face e no twitter, ambos /oliviayale; caso queiram encontrar as redes da Irmandade, podem acessar ao site oficial airmandadedasolivias.com, o face /airmandadedasolivias ou o skoob http://www.skoob.com.br/livro/321391-a-irmandade-das-olivias.

Mari: Qual conselho você daria para aqueles que também têm vontade de escrever um romance?

Ana: O maior conselho que posso dar é ter força de vontade e muita disciplina para escrever. É verdade que uma boa história precisa de uma boa ideia, mas se você não se envolve no processo, sua história talvez nunca saia do papel. A publicação é sempre um caminho cheio de obstáculos, então aí mesmo que você precisa ter certeza que quer fazer isso e seguir por esse caminho, sempre lembrando que você é o responsável pelo seu marketing. 

E então, leitores, gostaram? Ficaram curiosos para conhecer A Irmandade das Olívias? Aguardem que vem resenha por aí.

Ana, seja muito vem vinda! A casa é sua! Muito obrigada pela disponibilidade em conversar com os leitores do blog e nos contar um pouco da sua história.

Com carinho,


Mari

15 comentários:

  1. Oi Mari, não conhecia o livro e a autora, mas já fui conferir o site.
    Acho ótimo incentivarmos a literatura nacional com resenhas e entrevistas construtivas como essa.
    ;)
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oiee =)
    gostei desse bate papo com a escritora, não a conhecia, gostei de ficar sabendo um pouco sobre ela, vou dá uma olhada no site dela.
    Beliscões carinhosos da Máh ♥
    Cantinho da Máh
    @Maaria_Silvana

    ResponderExcluir
  3. Gostei do bate papo, não conhecia a autora e gostei de ficar sabendo quem ela é melhor!

    http://alguns-livros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Mari,
    tudo bem?
    Eu gosto muito de fazer entrevistas com meus parceiros para conhecer um pouco mais sobre eles e sobre suas obras. Por isso, li com vontade seu bate papo. Desejo sucesso a autora, não conhecia ainda sua obra. Por isso acho muito importante abrirmos espaço para que novos autores sejam conhecidos. parabéns pela iniciativa.
    E quem sabe, você não se inspira e escreve um livro também?
    Beijinhos.
    Cila- leitora Voraz
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Maricotinhaaa =D

    Eu já entrei em contato com a Ana também. Quero adquirir o livro dela, já li uma resenha e parece ser ótimo. Tô mega animada. Ainda mais que eu to dedicando esse mês de agosto para ler todos os livros de parceria, BTs, etc. A Ana é uma fofa e super atenciosa mesmo. Adorei a entrevista

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  6. Mais uma indicação sua que me faz adorar cada vez mais e mais a leitura. Adorei o bate papo, conhecer escritoras jovens, me faz acreditar o quão inspirante é escrever.
    Parabéns a escritora, e a ti que te dedicas a compartiolhar maravilhas da literatura.
    bjinhus
    tathyiana.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. sempre bom conhecer autores novos e cultura nova, parabéns pelo trabalho :D

    abraços,
    www.oquefaltou.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Mari

    Adorei o bate papo coma autora, eu adoro conhecer novos livros nacionais e esse ainda não conhecia,

    Sucesso a autora!

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi, adorei a entrevista :)
    Eu faço jornalismo, mas sempre tive o sonho de ser escritora...
    Acho que a maioria das pessoas que sonham em ser escritores vão para o jornalismo hehe
    Fiquei com vontade de ler o livro dela :)
    Beijos
    FB
    doladodajanela.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Own amei a entrevista, parabens amore pelas suas conquistas... quero muito ler o livro..
    bjokas amore...
    Daniela Santos - FB
    www.dariatosmoda.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi Mari!
    Adoro esse tipo de post com entrevistas com outras blogueiras!
    Sempre bom conhecer novos escritores e blogueiras famosas ^^
    Parabéns pelo crescimento do seu blog, querida!
    Beijinhos, FB

    Pink CupCake

    ResponderExcluir
  12. A Ana Carolina é parceira do Blog "Reticências..." eu a acho tão educada e atenciosa!
    Adoro a forma como ela nos responde sempre.
    Gostei de "A irmandade das Olivias" apenas suspeito que vou gostar mais do segundo livro e assim sucessivamente, sabe aquelas séries que ficam melhor e melhor com o tempo? Pois é, vou acabar viciando.

    Beijos

    www.reticenciando.com

    ResponderExcluir
  13. Parabéns flor,muito sucesso.
    Adorei o post,essa autora eu não conhecia e post assim é sempre bom.

    FB
    http://apensasrosa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

  14. Eu marquei você na Tag Blog Versátil.
    http://somewhere-just-for-us.blogspot.com.br/2013/11/tag-blog-versatil.html

    ResponderExcluir
  15. Adorei o bate papo com a autora, Mari!!! Muito simpática ela me pareceu, e quanto ao livro já estou ansiosa para adquirir e curiosa para ler. Gostei me chamou atenção. Vou procurar para adquirir, beijos
    Lih
    http://portasdocoracao.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Amigos leitores, sintam-se a vontade para comentar o post. Peço que, por favor, ao tecerem os comentários, não utilizem palavras e expressões que possam ofender os demais. Obrigada.