terça-feira, 28 de maio de 2013

A Culpa é das Estrelas

Bom dia, gente!!!

Hoje eu preciso falar de um dos livros que mais me inspirou a criar o blog: A Culpa é das Estrelas do autor John Green.

Não é novidade para as pessoas que convivem comigo que eu amo livros!! A Culpa é das Estrelas estava na minha lista de próximas comprinhas, maaasss, como meus amigos me conhecem muito bem, eu acabei ganhando de presente de aniversário de uma grande amiga (e olha que ela nem sabia que eu queria). Muito obrigada, Rafa Gama, esse post é dedicado a você!!



O que diz a contracapa?

"Hazel é uma paciente terminal. Ainda que, por um milagre da medicina, seu tumor tenha encolhido bastante - o que lhe dá a promessa de viver mais alguns anos -, o último capítulo de sua história foi escrito no momento do diagnóstico. Mas em todo bom enredo há uma reviravolta, e a de Hazel se chama Augustus Waters, um garoto bonito que certo dia aparece no Grupo de Apoio a Criança com Câncer. Juntos, os dois vão preencher o pequeno infinito das páginas em branco de suas vidas."



O que eu achei?

Completamente incrível! O livro não é grande, tem 286 páginas, e eu terminei em 01 dia... isso mesmo... não consegui parar de ler um segundo sequer.

Quando terminei, lá pelas 03:30 da manhã, só conseguia pensar em indicar este livro para todo mundo, foi o que me levou a colocar a mão na massa e criar logo o blog!

A história, apesar de falar sobre uma doença muito séria e grave, é contada de forma leve pelo autor, através de Hazel Grace, narradora em primeira pessoa. 

Hazel nos conta como passou a ser a sua vida após o diagnóstico e como tudo e todos ao seu redor começam a tratá-la de forma diferente. Após o início da luta contra a doença, a protagonista se vê "obrigada" a deixar sua escola e seus antigos amigos e iniciar uma nova caminhada.

Impulsionada por sua mãe, Hazel passa a frequentar, sem a mínima vontade, um Grupo de Apoio a Criança com Câncer. Quando estava prestes a desistir de comparecer às reuniões um garoto, Augustus Waters, que nunca tinha visto antes na cidade, aparece para se juntar ao Grupo e pela primeira vez Hazel não se arrependeu de ter seguido o conselho da mãe.

Juntos, Hazel e Gus ultrapassam os obstáculos das rotinas de hospital e passam a viver muito além de suas dificuldades, descobrindo cada vez mais pontos em comum, inclusive o gosto pela leitura.

O que eu posso dizer é que A Culpa é Estrelas me fez rir (e muito) e chorar (mais ainda), LITERALMENTE! O autor conseguiu tocar no fundo do coração dos leitores, nos mostrando que a vida é para ser celebrada a cada minuto e que é preciso vivê-la com intensidade, amando o próximo e respeitando as nossas limitações e também as dos demais.

A Culpa é das Estrelas é um livro que todos deveriam ler. Procurem nas bibliotecas, nas livrarias, nas estantes dos amigos, mas não deixem de desfrutar desse enredo emocionante, tenho certeza que vai fazer você olhar a sua vida com outros olhos.

É uma história de amor, de amizade, de superação, de apoio, de lágrimas, de risos e de muito companheirismo.

Espero que gostem!

Com carinho,

Mari

3 comentários:

  1. Amei o livro... também ri e chorei horrores!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É lindo né? Apesar do tema pesado é um dos livros mais leves que eu já li! Beijos

      Excluir
  2. Estou querendo ler este livro!! :)
    bjos
    Rosana

    ResponderExcluir

Amigos leitores, sintam-se a vontade para comentar o post. Peço que, por favor, ao tecerem os comentários, não utilizem palavras e expressões que possam ofender os demais. Obrigada.