sábado, 27 de agosto de 2016

Bate-papo com Carla Pachêco

Oi gente, tudo bem?

Estão todos aproveitando a Bienal? Espero que sim! Aproveitem por mim!

Conforme eu contei no post passado, Carla Pachêco, autora de Perfume de Hotel - Nova Iorque e Chile, estará aqui no Rio de Janeiro para um encontro com os leitores! Vocês podem conferir todos os detalhes no convite abaixo. Esse mesmo convite estará na barra direita do blog até o dia do evento, assim todo mundo pode ter acesso sempre às informações!


Aproveitando que o evento está chegando, nós aqui do blog batemos um papo com a autora e hoje é dia de conferir todas as novidades! Vamos lá?


1) É o seu primeiro encontro com os leitores do Rio? Quais são as suas expectativas?

Sou carioca, mas me mudei para Maceió, capital de Alagoas, há muitos anos. Troquei a “cidade maravilhosa” pelo “paraíso das águas” e, de repente, aterrissar na minha cidade como autora para fazer uma sessão de autógrafos na Livraria da Travessa do Barra Shopping, isso ainda é algo que me soa surreal.Perfume De Hotel - Nova Iorque éo primeiro perfume da série de livros PERFUME DE HOTEL, que traz em suas notas as impressões e os aromas de cada lugar,os prazeres e descobertas dessa magia que é viajar e se entregar a viagem que existe dentro da viagem. Quanto as minhas expectativas? São as melhores! Espero poder compartilhar as histórias, os sabores, e os aromas contidos nesse perfume com muitos leitores e que essa seja uma noite com um perfume que irá ficar marcado em nós para sempre.

2) Você está planejando visitar outras cidades com uma turnê de autógrafos de Perfume de Hotel?

Uma das vantagens de publicar por uma editora grande são essas oportunidades. Ter a nossa obra disponível em livrarias de grandes redes não é nada fácil, que dirá conseguir espaço para realizar eventos como esse. Perfume De Hotel - Nova Iorque foi publicado pela Chiado Editora -uma editora  internacional, de origem portuguesa, sediada em Lisboa, especializada na publicação de autores brasileiros e portugueses contemporâneos -, e é graças a parceria com a Chiado que esse evento está sendo possível. Não temos nada certo ainda, mas espero que essa seja a primeira vez das muitas vezes que irei autografar em outras cidades.

3) Os leitores poderão te encontrar na Bienal do Livro de São Paulo? E no ano que vem, você tem planos de retornar ao Rio para a Bienal?

Ainda não será dessa vez que estaremos juntos em São Paulo, apenas “ainda”.Quero, cada vez mais, participar desses e de tantos outros grandes eventos literários que fomentam a cultura, aproximam leitor/autor, valorizam e divulgam as artes, possibilitam uma troca intensa de experiências, nos fazem viajar pelo mundo da leitura, alimentam o nosso imaginário e nos enchem de saberes. Ser escritora não é ser solitária, do contrário, é estar em constante movimento, cercada de muitas pessoas e partilhando histórias. Então, que venham as Bienais!

4) Podemos esperar novos livros de próximas viagens? Quais são os seus planos literários?

Com certeza! Costumo dar o seguinte recado a quem pensa em viajar comigo agora: “prepare-se para virar história, ou melhor, perfume.” (Rsrs).  Mas a cada dia vou descobrindo novas possibilidades na minha escrita e, assim, vou me reinventando como autora. No momento, terminei o primeiro livro fora da série PERFUME DE HOTEL. Esse meu novo trabalho com o título de Um Lugar chamado UTI, traz um pouco do olhar da médica-escritora ao longo de mais de quinze anos atuando dentro de Unidades de Terapia Intensiva. E já comecei a ensaiar o meu primeiro romance ficção. E quero mais, muito mais.

5) Você pretende escrever Perfume de Hotel sobre alguma cidade brasileira?

A princípio, não. Meus interesses de destinos de viagem estão no exterior. Tenho imensa curiosidade a cerca de outros países. Falo no início de Perfume De Hotel - Nova Iorque que: “Adoro experimentar as exigências climáticas e culturais de cada lugar, os costumes, a estranheza dos sotaques e os mais diferentes cheiros e sabores, que dão a cada lugar neste mundo uma identidade única e intransferível, tal como a nossa.”.  Mas, quem sabe...

6) Sabemos que além de escritora, você também é médica. É difícil conciliar as duas profissões?

Sim. E se somarmos a isso o papel de mulher, esposa e mãe, torna-se ainda mais complicado (Mulher Bombril, mil e uma utilidades - Rsrs). Mas, sobretudo, tem sido extremamente prazeroso. É preciso amar o que se faz para verdadeiramente fazer com prazer, e eu amo o que faço. A medicina sempre esteve presente na minha vida, mas, simplesmente, não consigo mais separar a médica da escritora.

7) Em Perfume de Hotel, Nova Iorque e Chile, você nos conta as suas aventuras em família em suas viagens. Você tem planos de escrever ficção também?

Ficção é algo muito difícil para mim. Minha escrita é pessoal, é feita na primeira pessoa, mas como digo em Perfume De Hotel - Nova Iorque: “O novo não costuma me assustar, mas a falta de atitude diante das possibilidades sim.”.  Estou ensaiando...

8) Como surgiu a vontade de compartilhar suas viagens com seus leitores e a ideia de publicar Perfume de Hotel?

Conto em Perfume De Hotel - Nova Iorque que: “Li uma vez que ‘sentir um cheiro pode trazer a mais bela ilusão aos nossos sentidos’, e eu, eu precisava me iludir. Não se tratava de viver um equívoco, mas de viver as fantasias que eu tinha de cada lugar, de sentir o poder do perfume.”. E mais, “queria ansiosamente olhar em outra direção, poder me debruçar sobre outras paixões”, foi isso que eu fiz. Amo escrever e viajar, então, por que não? 



Espero que gostem, leitores!!! Não se esqueçam que a Carla estará por aqui no dia 09/09, na Livraria da Travessa do BarraShopping, as 19h, esperando todos os leitores!

Com carinho,

Mari

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Encontros com autores parceiros



Oi gente, tudo bem?

Animados com a Bienal que está super chegando? Eu não... esse ano não poderei ir, snif! Minhas amigas blogueiras estarão lá aproveitando por mim e vocês também!!

Alguns autores parceiros estarão por lá para encontrar os leitores, eu queria tanto poder dar um abraço em cada um deles, mas, como não poderei, mando o meu amor e o meu desejo de sucesso.

Hoje vou contar para vocês a agenda de alguns dos nossos parceiros lá na Bienal, espero que possam passar e conhecer o trabalho incrível de cada um!



CARLA PACHÊCO:


Mas, antes de falar de Bienal, vamos falar de um evento que acontecerá aqui no Rio de Janeiro no início de setembro. A autora parceira Carla Pachêco estará na Livraria da Travessa do BarraShopping dia 09/09, as 19h para conhecer todos vocês e autografar os seus livros!


Se você não conhece os livros Perfume de Hotel, tem resenha por aqui no blog! Basta clicar no nome do livro que você será encaminhado:


Aguardem porque tem um bate-papo com a autora por aqui essa semana!


ELYSANNA LOUZADA



A autora Elysanna Louzada estará na Bienal no estande da Editora Paulinas com o seu livro infantil super fofo Eu sou O Galo, nos dias 29/08, as 14h e no dia 30/08, as 10h! Que seja um sucesso porque ela merece!!

Resenhas:




ELEONOR HERTZOG

Nossa querida Eleonor, além de autora, também é dona da Mundo Uno Editora, então ela estará por lá todos os dias no estande da editora para conhecer vocês! Passem por lá e mandem um beijo por mim, ok!? Obrigada!

Resenhas:



BÁRBARA NEGRÃO

A Bárbara estará na Bienal no dia 03/09, as 11h no estande da editora Novo Século, para sessão de autógrafos de seus livros, mas ela já me contou que estará passeando por lá todos os finais de semana, quem sabe não se encontram?! Sucesso!!

Resenhas:



BABI A. SETTE

A Babi estará no estande da Novo Século nos dois finais de semana, das 15h as 19h. Estou tão triste por não poder vê-la esse ano. Aos apaixonados por romances de época, os livros da Babi são incríveis, não deixem de conhecer o trabalho dela!

Resenhas:



Amigos, espero que se divirtam bastante! Quem vai à Bienal pela primeira vez não se esqueça das dicas básicas: roupas confortáveis, garrafinha de água e lanche na mochila, tênis e muitos encontros com outros apaixonados por livros como nós! Aproveitem e depois me contem tudo, tá?!

Com carinho,

Mari

sexta-feira, 8 de julho de 2016

Resenha - O Despertar do Lírio

Oi gente, tudo bem?

Que saudade de vir aqui conversar com vocês! Como vocês sabem a minha vida está uma correria por conta dos estudos do mestrado. Hoje entrei de "férias" (entre aspas porque ainda tenho alguns trabalhos para entregar) e terei um tempinho maior para me dedicar ao nosso cantinho!

No último post conversamos sobre o lançamento da autora brasileira Babi A. Sette, O Despertar do Lírio, segundo livro da série Flores da Temporada. O primeiro livro se chama A Promessa da Rosa e já tem resenha aqui no blog! Clique aqui e você será direcionado.

Esse mês tirei algumas horinhas do dia para "leitura por prazer" e, claro, não poderia ser outro livro, o eleito para tirar um pouco a minha cabeça do Direito foi O Despertar do Lírio e hoje eu venho aqui contar um pouco para vocês!

Primeiro, vamos dar uma olhada na sinopse!

O que diz a contracapa:

O Despertar do Lírio
Lilian Radcliffe é uma jovem viúva e está feliz com sua vida isenta de emoções. Culpa do luto que não larga? Lilian jurou fidelidade ao marido no leito de sua morte. 

Paralelo a isso, conhecemos Simon Thorn, homem frio e libertino, dono da maior casa de jogos de Londres. Ele está a um passo de realizar seu plano de vingança contra o culpado pelo título de assassino que recebera anos atrás. O problema é que o canalha está morto e ele terá de usar a sua viúva recatada a fim de atingir seus objetivos. 
De um lado, ela precisa manter sua honra intacta; de outro, ele quer seduzi-la e desmoralizá-la. No entanto, Lilian nunca se sentiu tão vulnerável e atraída por um homem. E Simon, por sua vez, demonstra reações ao lado dela das quais nunca imaginara ter. A vingança e a honra se abalam quando nasce entre ambos uma paixão incontrolável. Mas, para ficarem juntos, terão de enfrentar segredos e mágoas profundas, um castelo trancado há seis anos, palco de uma morte misteriosa e, sobretudo, encarar os fantasmas do passado que assombram suas consciências.*

*Sinopse retirada da página do livro no Skoob




Minhas impressões:

Como uma romântica assumida e muito fã de romance de época posso dizer que a Babi A. Sette se tornou uma das minhas autoras preferidas do gênero. Esperei ansiosamente pelo segundo livro da série desde o momento que finalizei A Promessa da Rosa. A autora tem mesmo o dom de nos transportar para a Inglaterra do século XIX e nos fazer cair de amores por todos os seus personagens.

Com O Despertar do Lírio não foi diferente, a história me conquistou no primeiro capítulo, nas primeiras páginas. Já conhecíamos Lilian Radcliffe do livro anterior, onde ela aparecia como coadjuvante da história da irmã, mas, mesmo com um papel menor no primeiro livro já conhecíamos a sua personalidade, sua vontade de estar sempre bem perante a sociedade, seu bom coração, sua doação para os outros e seu amor pelos animais.

Quando soube que Lilian teria um livro todinho para ela, eu imaginei que uma boa história nos esperava e me surpreendi, o livro de Lilian não é bom, é maravilhoso!

Seu bom coração e a vontade de ajudar uma amiga que queria salvar a reputação de sua filha, Lilian acabou aceitando o convite para passar uma temporada na casa de campo de Lady Marfleet, onde outros nobres se reuniriam para desfrutar um tempo das belezas do campo.

Apesar de já ter recusado o convite (Lilian preferia ficar em casa na companhia do filho) resolveu voltar atrás na sua decisão e acompanhar as amigas no passeio, afinal, elas precisavam de sua ajuda. Por outro lado, apesar de estar sempre vestida de cinza e toda coberta, por causa do meio luto pela morte de seu marido, Lilian ainda tinha apenas 22 anos e merecia se divertir como as outras jovens.

Como os planos nunca saem como imaginamos, um dos convidados de Lady Marfleet era seu sobrinho Simon Thorn, mais conhecido como Barão assassino por conta da morte de sua primeira esposa que nunca havia sido desvendada. Para seus pares, Simon era o culpado e, como o próprio Barão não fazia questão de desmentir, a reputação de assassino perdurava.

Kit LINDO que nós recebemos com o livro e um aromatizador de ambiente com cheirinho de Lírios


A amizade que nasceu entre a viúva recatada e o barão assassino não foi vista com bons olhos pela sociedade. Lilian conseguiria manter a sua honra intacta diante de um homem que mexia tanto com seus sentimentos?

Simon Thorn é um personagem muito misterioso, ao longo do livro conhecemos sua história de vida, o motivo pelo qual ele carrega uma reputação tão sombria e o porquê do seu plano de vingança. Além disso, é um personagem apaixonante, o que justifica ter mexido tanto com  o coração de uma viúva tão recatada como Lilian
.

Percebi que em O Despertar do Lírio as cenas mais sensuais estão mais presentes do que em A Promessa da Rosa, mas achei que 
foram bem escritas, 
a autora soube conduzir tais cenas sem apelação e com a sutileza que os romances de época pedem.  

Claro que o livro trás personagens que eu não gostei nadinha, e vocês saberão de quem eu estou falando logo no começo da leitura. Sempre tem aquele alguém que quer atrapalhar a felicidade alheia, né?! 

Assim como em A Promessa da Rosa, o livro trás reviravoltas no enredo e eu adoro quando isso acontece, deixa o leitor empolgado em não largar o livro até o último ponto final. Babi A. Sette continua nos cativando a cada página e eu não esperava nada diferente de uma autora com tanto carisma e carinho com a história.

Ao ver a autora divulgando seus livros eu percebo exatamente isso, o carinho que ela tem com os fatos históricos, os personagens, os ambientes. Babi faz de tudo para nos transportar para um país que não é o nosso, em uma época que não vivemos, com costumes totalmente diferentes dos nossos, e ela consegue fazer com maestria.



Não poderia deixar de mencionar que adorei a participação de Kathelyn e do Duque de Belmont, os protagonistas de A Promessa da Rosa, é ótimo poder matar a saudade de personagens que nos cativaram tanto no livro anterior.

Por fim, só posso dizer que desejo vida longa à série Flores da Temporada e muito sucesso para a carreira da Babi, que já se tornou uma referência nacional do gênero romance histórico. Ela merece todos os aplausos!

Tenho certeza que, assim como eu, vocês vão amar acompanhar a história da Lilian, vão adorar conhecer Simon e, aos poucos, entender o porquê de todas as suas atitudes e desvendar todos os segredos que envolvem duas pessoas que, aparentemente, nada tinham em comum, mas que se completam como poucos.

Mais um romance de época para a minha lista de favoritos! E vocês, já leram?

Espero que gostem,

Com carinho,










Dados do livro:

Nome: O Despertar do Lírio
Autor: Babi A. Sette
Editora: Novo Século
Páginas: 382


 

quarta-feira, 11 de maio de 2016

Lançamento - O Despertar do Lírio - Babi A. Sette

Oi gente, tudo bem?

Que saudade imensa que eu estava de vocês e dos nossos papos aqui no blog. Sinto muita falta de poder vir aqui falar sobre as leituras atuais, fazer resenhas, contar como foram os encontros literários e saber o que vocês estão lendo!

Como vocês sabem minha vida está muito corrida, estou estudando como nunca (achei que estudei muito para o processo seletivo... agora que eu estou vendo o que é estudar...rsss) e por isso dei uma pausa no blog e nas leituras diárias. Minha mesinha de cabeceira agora está repleta de livros de Direito e Filosofia e eu estou amando essa nova fase da vida.

Mas, essa pausa no blog não é definitiva e agora, já no meio do semestre, consegui me organizar melhor e reservar um tempo para as leituras que amamos, especialmente com a chegada do novo livro da Babi A. Sette.

Quem acompanha o blog sabe da minha paixão por romances de época (suspiro) e como eu fiquei completamente encantada com A Promessa da Rosa, primeiro livro da série Flores da Temporada. Se você não conferiu a resenha, clica aqui e será redirecionado. Sempre falo que vale a pena conhecer a escrita da autora, a história me prendeu no início ao fim, cheia de reviravoltas que me deixaram sem dormir até chegar ao último ponto final do livro. Se você clicar na tag "Babi A. Sette" ali no cantinho direito do blog verá quantas vezes já indiquei o livro por aqui, quotes, entrevista em vídeo com a autora e muitas fotos!

Amei TANTO A Promessa da Rosa que não poderia deixar de participar da divulgação de O Despertar do Lírio, mesmo com tempo apertado, mesmo com uma pilha de leituras e trabalhos, mesmo me virando em duas...vale a pena!!!

Desde o fim de A Promessa da Rosa eu estou ansiosa com a chegada de O Despertar do Lírio. Para começar, eu fiquei encantada com a capa, o que acharam?



Como não se empolgar com essa sinopse? 



Quem quiser matar a curiosidade, a editora disponibilizou o primeiro capítulo da obra, basta clicar aqui! Reparem que lindo o mapa que vem no início do livro, é ótimo para nos ajudar a imaginar as casas, as distâncias e os arredores e mostra o carinho que a autora e a editora têm com a obra! 

Não vejo a hora de conhecer a história de Lilian e Simon (só eu adoro esse nome para os "mocinhos de época"?).


Aguardem resenha e me contem o que acharam da capa, sinopse e primeiro capítulo!

Com carinho,



terça-feira, 5 de abril de 2016

Resultado Top Comentarista - Fevereiro + Esclarecimentos

Oi gente, tudo bem?

Que saudade de aparecer por aqui e conversar um pouco com vocês! 

Nesse ano de 2016 a minha vida mudou completamente eu, finalmente, comecei a fazer o meu mestrado, um sonho de longa data! Em março o curso começou e eu percebi que, pelo menos por enquanto, não poderei manter o ritmo das postagens do blog, estou estudando muito!

O curso é incrível e eu estou amando, mas a carga de leitura é bastante alta e não sobra tempo para ler os livros "não-técnicos" e resenhar para vocês. Coincidentemente (leia-se, por obra de Deus) o Marcos também foi aprovado no processo seletivo de mestrado, estamos em universidades diferentes, mas com um mesmo ritmo de estudo e um mesmo projeto de vida e, por isso, ele também não pode manter o blog atualizado nessa minha ausência. Espero que entendam!

Mas eu não me esqueci de vocês não, sei que estou devendo o resultado do Top Comentarista de Fevereiro e também para isso estou por aqui hoje!

Como o meu tempo realmente está bem curtinho, decidi contar o Top de forma diferente dessa vez. Não contarei nome por nome com aquela tabela indicando quais posts a pessoa comentou ou deixou de comentar. Farei uma lista com todos os inscritos (por ordem de inscrição) e a partir dela farei o sorteio. Com o nome do selecionado, analisarei se ele comentou em todos os posts de forma válida, caso contrário, será desclassificado e um novo nome será sorteado. Ninguém sairá no prejuízo com essa nova forma de contagem pois, se o contemplado não tiver cumprido as regras sortearei de novo, eu apenas não analisarei de um por um, mas sim de quem for sorteado, ok? Então vamos lá...


1. Rudynalva
2. Micaela
3. Fernanda
4. Aciclea
5. Jéssica A
7. Karine
8. Becca
9. Vivian
10. Carolina
11. Alinne
12. Cristiane
13. Jéssica F
14. Mariele
15. Rissia
16. Amanda
17. Giovanna
18. Lidi
19. Caio
20. Cássia
21. Ana Paula
22. Jéssica L
23. Mich
24. Marlene
25. Ana Paula Santos
26. Dan
27. Ana I. J.



Parabéns, Jéssica Fernanda!!! Você tem 48 horas para responder o e-mail que eu te mandei com os seus dados de envio!


Quero agradecer muito todos os participantes do TOP mas, principalmente, todos os leitores que nos acompanham nesses quase 3 anos de blog. Saibam que todos os posts foram feitos com muito carinho para vocês. Vou sentir saudade desse cantinho e dos nossos papos, por enquanto ele ficará desatualizado, mas as vezes eu apareço lá no instagram (@cantinhodeleituradamari), vou amar receber um "oi" de vocês por lá!!

Aciclea, ganhadora do Top comentarista de janeiro, não me esqueci de você!! Seu livro será enviado no mesmo dia que o da Jéssica, desculpe a demora, espero que goste!

Obrigada, obrigada, obrigada! Já sinto saudade!

Fiquem com Deus!

Com todo o nosso carinho,




terça-feira, 1 de março de 2016

Resultado Top Comentarista - Janeiro


Oi gente, tudo bem? 

Desculpem a demora, mas hoje venho trazer para vocês o resultado do Top Comentarista de Janeiro!!

Antes de falar do resultado, gostaria de alertar os participantes do Top Comentarista de fevereiro a respeito da qualidade dos comentários. É com tanto carinho que a gente prepara o post para vocês, tira as fotos, faz a resenha, responde tags divertidas e gostaríamos de receber o mesmo carinho dos leitores nos comentários. Realmente fico triste quando, depois de uma resenha que levamos algum tempo para elaborar recebemos um comentário no estilo "gostei", como se a pessoa não tivesse lido sequer uma linha do nosso post. Esse tipo de comentário não será contabilizado para o Top Comentarista, ok?! Está nas regras, mas, acho que isso nem deveria ser algo que fosse preciso elencar nas regrinhas para participar do Top... enfim...estou realmente bem triste.



Mas, vamos ao resultado!! Agradeço de coração a todos que participaram!!!




Os nomes que estão em vermelho são dos leitores que se inscreveram, mas não comentaram em todos os posts válidos.

Finalistas:

1. Fernanda
2. Aciclea
3. Emanoelle
4. Alessandra
5. Jessica
6. Cecilia
7. Vivian
8. Karine
9. Brenda
10. Suzana
11. Micaela
12. Camila
13. Leandra
14. Dani


E a vencedora é:



Parabéns, Aciclea!!! 

Vou te enviar um e-mail e você tem 48h para me mandar os seus dados de envio, caso contrário sortearei outro número, ok!

Se alguém ainda quiser participar do Top de fevereiro, valendo o livro A Sereia, da Kiera Cass, da tempo! Os comentários serão aceitos até às 23h59 de hoje!!

Até a próxima e obrigada a todos!

Com carinho,


segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Resenha - Sombras do Império

Oi meus amigos!

Como vão todos?

Nesta manhã de segunda-feira, vamos começar a semana logo cedo com uma resenha!

O livro de hoje é, mais uma vez, uma aventura de Star Wars. Falaremos hoje do aclamado romance denominado "Sombras do Império"

O que diz o Skoob:


São tempos sombrios na galáxia. Enquanto a princesa Leia organiza uma missão para resgatar Han Solo do terrível Jabba, o Hutt, Darth Vader vasculha a galáxia atrás de Luke Skywalker, com o objetivo de recrutá-lo para o lado sombrio da Força.


Para atender a ordem do imperador Palpatine, o Lorde Sombrio une seus esforços a Xizor, poderoso líder de uma organização criminosa. Mas Vader não é o único a querer as graças do imperador, e seus planos podem ser colocados em risco, já que o chamado Príncipe Negro pode ter outros interesses nessa empreitada


Minhas impressões:


Originalmente, o livro "Sombras do Império" foi escrito no ano de 1996. Sim, faz 20 anos que esse livro nasceu. Porque só agora chegou ao Brasil? Sinceramente, eu não sei!

Só sei que a LucasArts, empresa responsável por Star Wars à época, resolveu criar uma história em diversas plataformas, para que atingisse diversos públicos. Assim, o livro com a história havia sido lançado, assim como jogo para computador, para o videogame Nintendo 64, quadrinhos e também bonecos (minifiguras).

Em 1996 eu tinha 10 anos (sim, eu nasci em 1986 e no final do ano de 2016 eu vou fazer 30 anos) e já gostava de Star Wars. Em 1996 eu tinha um Nintendo 64 e havia ganhado esse jogo dos meus pais. Foi amor a primeira vista. E foi assim que eu conheci "Sombras do Império"

Muitos sabres de luz vermelho! Vader na frente e Xizor logo atrás
 A história do game e do livro é a mesma e eu apresento agora a vocês!

Tudo se passa entre os filmes 5 e 6, ou seja, depois da batalha de Hoth e antes da segunda Estrela da Morte. Han já está congelado em carbonita e só vemos Luke e Leia, dos personagens principais na história.

Luke já aparenta ser um Cavaleiro Jedi e está mais treinado na Força.

Mas as sombras que rondam o Império advém do Príncipe Xizor. Ele é um alienígena verde e um chefe do crime. Ele é o líder da organização criminosa Sol Negro (Black sun, no original). A Sol Negro tem diversas operações escusas na galáxia toda e o Príncipe Xizor (Sim, ele vem de uma família real de seu planeta natal) controla boa parte das atividades criminosas.

Xizor caiu nas graças do Imperador Palpatine, que vê em Xizor um potencial aliado. É claro que o cachorrinho do Imperador, Lorde Vader, não fica nada satisfeito com isso.
Xizor quer, na verdade, se vingar de Vader, que teria prejudicado sua família há muitos anos. Por isso, ele vê nessa ligação com o Imperador, uma excepcional oportunidade para tirar Vader da jogada e ser o "queridinho" do chefe.

Ahhh... que saudade do meu Nintendo 64! Eu tinha uma fita de Sombras do Império idêntica a essa da imagem
Tudo parecia bom para Xizor, que tem um plano que poderia dar certo. Xizor sabe que o Imperador queria Luke Skywalker vivo, para convertê-lo ao lado sombrio. Se Xizor conseguisse matar Luke Skywalker e fizesse parecer ser obra de Darth Vader, ele conseguiria destruir o prestígio do "rival" e vingar-se plenamente. Ele usaria todos os créditos conseguidos como chefe de uma das organizações criminosas mais poderosas da galáxia e seu prestígio alcançado graças a corrupção para atingir esse objetivo.

Xizor é o típico personagem ruim. Malicioso com quem ele acha que pode conseguir qualquer vantagem, depravado com as mulheres, extremamente frio com os que alega serem seus adversários e não consegui enxergar nenhuma novidade de vilões de livros, até mesmo alguns de livros de 007, como eu escrevi na resenha de "A essência do mal", que você pode consultar aqui. É um vilão bem comum.

Só que ao lado de Luke, existem vários amigos que passam a investigar as tentativas de homicídio e chegam a surpresa de que não é o Império que trama contra a sua vida, mas a Sol Negro, pertencente a Xizor. Lando Calrissian, a Princesa Leia Organa. C3PO, R2D2, Wedge Antilles são alguns dos conhecidos que aparecem nas páginas.

Pequenino trecho
A surpresa fica por conta de um novo personagem. Dash Rendar (que era o personagem principal dos jogos de videogame na época), um caçador de recompensa que passa a ajudar os Rebeldes no intento de parar Xizor.

No livro, Dash Rendar é egocêntrico e tem uma vontade enorme de se sobrepor aos outros, talvez pelos traumas sofridos ao longo de sua vida. Através do que o autor nos deu no livro, o personagem é um porre e difícil de lidar. No game, nas descrições de suas falas, ele parecia menos arrogante. 

Surpresa também em um Darth Vader com lado humano. Sorri em determinado momento no livro, contesta em pensamento ordens de Palpatine e sente ciúme da proximidade entre o Imperador e Xizor. Vader realmente não é uma máquina! E o autor Steve Perry deixa isso bem claro para os leitores. As partes com o Lorde Vader são muito atrativas.

O final, é claro, tinha que ter muita ação. O final foi bem escrito pelo autor e detalhado na medida certa. Há outras partes com ação no livro, notadamente quando a Guri (sim, você leu certo, amigo leitor: Guri, o mesmo nome que os gaúchos dão para meninos) uma ciborgue loira muito sensual feita exatamente como uma humana comum (em todos os sentidos mesmo) aparece e que pertence a Xizor. Quando essa ciborgue surge no livro, é quase certo que alguém morra no livro.

A vista do espaço do planeta Coruscant em cada início de capítulo!
Escrito em capítulos pequenos e de leitura rápida, Sombras do Império é uma ótima opção de entretenimento para aqueles que adoram a leitura assim como nós!

Por hoje é só!

Se gostarem, comentem aqui embaixo!

Até a próxima!











Dados do livro

Nome: Sombras do Império
Autor: Steve Perry
Editora: Aleph
Páginas: 445








OBS.: Último post válido para o Top Comentarista de fevereiro. Serão aceitos comentários até 23h59 do dia 01/02/16! Boa sorte!!!